Lula confirma que receberá brasileiros repatriados de Gaza

Previsão é que aeronave pouse na Base Aérea de Brasília às 23h30
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva confirmou que receberá, na noite desta segunda-feira (13), os brasileiros e seus familiares palestinos repatriados da Faixa de Gaza. Foto: Presidência da República/Twitter
segunda-feira, 13 novembro, 2023

DA AGÊNCIA BRASIL

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva confirmou que receberá, na noite desta segunda-feira (13), os brasileiros e seus familiares palestinos repatriados da Faixa de Gaza. A previsão é que a aeronave pouse na Base Aérea de Brasília às 23h30. ebcebc

Em publicação nas redes sociais, Lula comentou sobre a agenda do dia. “A segunda-feira começa com muito trabalho. Reunião com ministros, cerimônia de sanção do projeto de lei que atualiza a Lei de Cotas e, à noite, vou receber os brasileiros e parentes palestinos que chegam ao Brasil de Gaza”, escreveu.

A recepção, entretanto, não consta na agenda oficial da Presidência. Os repatriados já estão caminho do Brasil. O avião VC-2, cedido pela Presidência da República para atuar na Operação Voltando em Paz, decolou às 6h51 (horário local) de hoje (13), do Cairo, no Egito, com 32 repatriados. Haverá duas paradas técnicas: em Las Palmas, na Espanha, e na Base Aérea do Recife, já em solo brasileiro. 

Eles cruzaram a fronteira da Faixa de Gaza com o Egito, pelo Portal de Rafah, no início da manhã deste domingo (12). A chegada ao Cairo ocorreu no início da noite. 

>> Relembre os momentos de tensão dos brasileiros em Gaza  

O grupo receberá apoio psicológico, cuidados médicos e imunização e terão um período de repouso em Brasília, em alojamento da Força Aérea Brasileira (FAB), antes de se deslocarem para outras cidades no Brasil. Ao chegarem ao Brasil, também será feita a regularização migratória, pela Polícia Federal, e a emissão de outros documentos que permitam o acesso a serviços públicos e ao emprego. 

O grupo a caminho do Brasil tem 22 brasileiros de nascimento, sete palestinos naturalizados brasileiros e três palestinos familiares próximos. Dos 32 repatriados, 17 são crianças, nove mulheres e seis homens. 

Voltando em Paz 

Este será o décimo voo da Operação Voltando em Paz, do governo federal, que cumpre mais uma missão de repatriação em áreas de conflito no Oriente Médio. A aeronave VC-2, cedida pela Presidência da República, está há quase um mês no Egito para o resgate dos repatriados oriundos da Faixa de Gaza. Os outros voos partiram de Tel Aviv, em Israel, e de Amã, na Jordânia, com brasileiros que estavam no território palestino da Cisjordânia.

Com os dez voos, a Operação Voltando em Paz terá transportado um total de 1.477 passageiros, além de 53 animais domésticos. Do total, foram 1.462 brasileiros, 11 palestinos, três bolivianas e uma jordaniana. 

No dia 7 de outubro, o Hamas, que controla a Faixa de Gaza, lançou um ataque surpresa de mísseis contra Israel e a incursão de combatentes armados por terra, matando civis e militares e fazendo centenas de reféns israelenses e estrangeiros. Em resposta, Israel bombardeou várias infraestruturas do Hamas, em Gaza, e impôs cerco total ao território, com o corte do abastecimento de água, combustível e energia elétrica. 

Os ataques já deixaram milhares de mortos, feridos e desabrigados nos dois territórios. A guerra entre Israel e Hamas tem origem na disputa por territórios que já foram ocupados por diversos povos, como hebreus e filisteus, dos quais descendem israelenses e palestinos. 

Edição: Maria Claudia

Gostou? Compartilhe...

Leia as materias relacionadas

magnifiercrossmenu